-

A importância do acompanhamento da família do dependente químico

A importância do acompanhamento da família do dependente químico

A importância do acompanhamento da família do dependente químico

E a família do Dependente Químico?

A dependência química é uma doença que está aumentando a incidência a cada ano que se passa. Infelizmente, trata-se de uma doença que adoece não apenas o viciado, mas também há prejuízos para a família e todos que estão ao seu redor, que de alguma forma, sofrem junto com o dependente químico.

Até porque é impossível ficar alheio à situação, já que o doente precisa de ajuda e de compreensão de todos que o cercam, para uma melhor recuperação durante todo o seu tratamento.

A dependência química é uma realidade atual, e é preciso saber lidar com a situação para o bem de todos, desde o próprio dependente químico até seus familiares e seus amigos mais próximos, que também precisam de um apoio e de um tratamento.

Os familiares são muito importantes em qualquer processo no tratamento do dependente químico. Entretanto, eles precisam saber lidar com todos os tipos de situações estressantes, como por exemplo, evitar comentários muito críticos, que podem prejudicar o andamento do tratamento do doente. É claro que em qualquer processo que envolve dependência química nada é fácil.

Por isso a real importância de se dar atenção também para a família, que sofre tanto quanto o doente, ou até mais, já que em algumas vezes o familiar pode se sentir impotente diante de tantas crises de ansiedade, angustia ou nervosismo.

Quando falamos em tratamento de dependente químico é fundamental que a família e os mais próximos, como seus amigos, por exemplo, também sejam assistidos durante a terapia, pois a família precisa estar bem emocionalmente para cuidar da melhor forma possível do doente e para que enfrente com sucesso cada crise que pode surgir em algum momento durante o tratamento do dependente.

Muitas vezes o tratamento psicológico com um terapeuta e psiquiatra também precisa ser feito com as pessoas mais próximas do dependente, como os seus pais seus e irmãos.
Até porque sabemos o quanto é difícil encarar problemas como a abstinência, que pode acarretar em crises graves que podem levar até mesmo à ocorrência de uma tentativa de suicídio do doente.

Vale citar que existem algumas evidências que apontam que o bom relacionamento com a família e com amigos próximos compreende um dos principais pilares para prevenir as recaídas que podem surgir a qualquer hora durante todo o tratamento do dependente.

Saiba que fazer um acompanhamento no terapeuta, ajudará acima de tudo, a fazer com que cada membro da família saiba lidar com situaçõs de recaídas do dependente químico. Por isso é tão importante não apenas dar atenção ao dependente, mas também a sua família, que é um item muito importante para a recuperação de qualquer doente que esteja encarando um período de abstinência química.

O profissional orientará cada um a condicionar o tratamento do dependente químico de tal forma com que cada etapa seja leve e simples.

E quando a reabilitação do dependente químico fica mais leve e simples, todos da família também ficam mais confortáveis e conseguem lidar com cada situação da melhor forma, afugentando o estresse que pode surgir em qualquer tratamento de dependência química.

Style switcher RESET
Body styles
Color scheme
Color settings
Link color
Menu color
User color
Background pattern
Background image